GP da França, O Retorno

Paul Ricard, Penalizações e Liderança

Por Júnior Ribeiro

Depois de uma década sem ser sede de um Grande Prêmio de Fórmula 1, a França trouxe de volta para o calendário o memorável circuito de Paul Ricard. Apesar da ameaça constante de chuva e a expectativa por mais emoção na pista, seguiu-se uma corrida morna com poucos momentos de animação. Os principais momentos que praticamente ditaram o ritmo da corrida se deram na primeira volta, logo após a largada, especialmente por ter jogado Vettel e Bottas para o final do grid.

Piloto da Corrida

Vettel que acertou o finlandês da Mercedes teve a sua asa danificada numa batida subsequente e rasgou o pneu de Valteri, que saiu mais prejudicado. Com o incidente, Vettel foi punido com 5 segundos, que foram cumpridos em sua segunda parada. Bottas teve uma corrida mais modesta e recuperou significativas posições.

Também foram punidos durante a corrida Grosjean, piloto da casa e Sirotkin.

Leclerc teve um desempenho razoável com sua Sauber, terminando na décima posição. Alonso teve mais uma corrida frustrante, abandonando a duas voltas para o fim. Também sem desempenho, a Force India de Perez abandonou na volta 27, com Ocon tendo abandonado após os incidentes da primeira volta.

Marcaram também a corrida de hoje, a presença do Safety Car logo no início e o Virtual Safety Car que quase encerrou a corrida.

O campeonato segue vivo, com Hamilton recuperando a liderança e se distanciando um pouco na ponta. Além disso, Daniel Ricciardo rouba a terceira colocação de Bottas no campeonato.