[GP Brasil – classificação] Sem Hamilton, pole é de Bottas

por Jaqueline Trevisan Pigatto

O tempo instável trouxe surpresas logo no início do treino, antes de qualquer piloto marcar volta no Q1: Hamilton rodou e sua batida causou uma bandeira vermelha. A garoa não fez os pilotos colocarem pneus intermediários, sendo os super-macios a escolha mais popular. Verstappen, apesar da boa performance, reclamou algumas vezes de problemas no motor. O destaque foi o 4° melhor tempo de Massa. Com Räikkönen na liderança, os eliminados foram Wehrlein, Gasly, Stroll, Ericsson e claro, Hamilton.

O Q2 começou com Valtteri Bottas quebrando recorde: 1:08.901s tomou a liderança. Massa continuou o bom desempenho, garantindo uma vaga no Q3, assim como Alonso. Nos últimos segundos, Bottas foi superado por Vettel, com 1:08.494s.

O alemão abaixou o tempo novamente no início do Q3, com 1:08.360s. Restando 3 minutos no cronômetro, a chuva começou a apertar. Ainda assim, Bottas tirou a suposta pole de Vettel e cravou 1:08.322s. Com a punição de Ricciardo, alguns pilotos ganham posições, como Alonso largando em 6° e Massa em 9°. Abaixo você confere como terminou o treino classificatório. A largada é amanhã, às 14h.